Tecnologia do Blogger.

29 setembro 2010

Ela (Ligian, por ocasião de seu aniversário)


Ela, que escreve, que passa e que pensa a vida como ela é
Ela, que inspira e transpira palavras de graça com a graça que tem
Ela, que canta e que encanta, que fala e cativa alguém como eu
Ela, que sente e que expressa com pressa o sentido que na alma tem

Ela, que ri e sorri um sorriso que expressa uma outra intenção
Ela, que ama e cuida das vidas que curte, que sempre quer bem
Ela, que é linda, que é forte e fatal quando fala ao meu coração
Ela, que é triste às vezes, por causa das cores que não vestem bem

Ela, que é fraca às vezes, mas logo recobra a força afinal
Ela, que teme, que prega, que entrega, que ensina a verdade de Deus
Ela, que chora, que implora de Deus a alegria de ver bem os seus
Ela é a mulher da minha vida, o presente prudente que veio de Deus.

Seu marido que tanto te ama,
Charles

Read more...

28 setembro 2010

História do Hino "Amazing Grace" - outra versão


Fiquei impressionado com a história da "escala dos escravos", que só compunham melodias com as notas das teclas pretas do piano. Então veja você mesmo e se impressione com o que a graça de Deus pode fazer com um traficante de escravos, como John Newton, autor de "Amazing Grace". Basta clicar no link abaixo:

http://www.youtube.com/watch?v=Uv2TUYTRbVU&feature=player_embedded

Read more...

27 setembro 2010

Questões ao Espiritismo

1.       Se a doutrina da reencarnação sustenta que o espírito humano evolui através de reencarnações seqüenciais, por que a violência, a imoralidade, a corrupção e a avareza só pioram?
a)      Porque a doutrina da reencarnação expressa uma impossibilidade lógica.
b)      Porque a violência é fruto da intriga da mídia.
c)       Não, o mundo está cada vez melhor!
2.       Por que os médiuns só psicografam escritores e não músicos, executando sua música com toda a sua genialidade original?
a)      Porque é tudo mentira.
b)      Porque todos os espíritos dos grandes gênios da música já estavam completamente evoluídos.
c)       Porque nem o demônio é capaz de imitar um gênio da música.
3.       Já que a todo instante um espírito evolui ao ponto de não precisar reencarnar mais, por que a população mundial só aumenta vertiginosamente, quando, pela simples lógica da doutrina da reencarnação, deveria diminuir?
a)      Porque existem ainda uns 798.859.197.236.349.290.732 espíritos que ainda não encarnaram.
b)      Porque a doutrina espírita expressa uma impossibilidade lógica.
c)       Porque na lógica espírita, o aumento da população é, na realidade, diminuição.
4.       Se o espírito evolui através de boas ações, e estas o conduzem à bem-aventurança espiritual, quanto de boas obras é necessário para que uma pessoa tenha segurança e esperança de que está salva?
a)      O espiritismo não oferece segurança de salvação.
b)      126.239 boas obras.
c)       3.895.387 boas obras.
5.       Se a doutrina espírita da reencarnação é “cristã”, por que a Bíblia (única regra de fé e prática cristã) diz que “aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto o juízo” (Hb 9.27)?
a)      A doutrina espírita não é cristã.
b)      Porque o versículo deve ser entendido num plano superior espiritual.
c)       Não consigo sair desta.
6.       Se no mundo espiritual estão incluídos os demônios, o que garante que as experiências das sessões espíritas sejam verdadeiras e expressam a verdade?
a)      O demônio fala e expressa a verdade.
b)      As experiências espíritas são enganosas.
c)       Também não consigo sair desta.
7.       O que significa a declaração bíblica de que Saul “entendeu que era Samuel”, o personagem da visão da pitonisa?
a)      Que a visão dela foi de interpretação subjetiva.
b)      Que ele poderia estar enganado.
c)       Ai ai ai.
8.       Se a pitonisa de En-Dor teve visão de Samuel já morto, por que ele disse que Saul iria para o mesmo lugar que ele, sendo que já estava revelada a rejeição de Saul da parte de Deus?
a)      Samuel foi para o inferno.
b)      Saul foi para o céu, mesmo tendo sido rejeitado por Deus.
c)       A visão da pitonisa era enganosa.
9.       Já que a Bíblia é a verdade, a Palavra de Deus, por que o espiritismo não depende dela, mas de visões, sugestões e sensações provindas de um suposto mundo espiritual que só acredita quem “viu”?
a)      Porque o espiritismo não tem base na Bíblia.
b)      Porque, se tivesse base na Bíblia, não seria espiritismo, mas cristianismo autêntico.
c)       ZZZ...
10.   O que o mormonismo, o islamismo e o espiritismo possuem em comum?
a)      Os três movimentos surgiram a partir de revelações extra-bíblicas.
b)      Os três movimentos estão certos.
c)       Os três movimentos estão errados.

Read more...

16 setembro 2010

Contra o Agnosticismo

                Existe uma corrente filosófica que afeta diretamente a religião dos seus adeptos: agnosticismo. O agnosticismo afirma que o conhecimento objetivo sobre Deus, sua existência e obras, não é possível. O problema fundamental dessa corrente é que Deus não é um Ser oculto. Ele é conhecível, embora não seja compreensível. Você pode conhecer a Deus, mas não consegue compreender tudo sobre seu Ser. No entanto, ele é o Deus que se revela de forma geral, a todos, sem exceção, através da natureza (Sl 19.1-6; Rm 1.18-25) e do senso de divindade que está gravado em todo coração. Deus também se revela, de forma especial, através da sua Palavra, a Bíblia (Sl 19.7-14; 2Pe 1.21; 2Tm 3.16,17). Logo, o agnosticismo é incoerente; e a raiz do problema é a ignorância e a incredulidade que ele promove. Ignorância, porque não oferece o conhecimento da Palavra de Deus. Incredulidade, porque, seguindo os passos da ignorância, o agnosticismo não promove a fé no Deus que se revela na Escritura Sagrada.
                A Bíblia diz que tudo o que precisamos saber para viver de acordo com o padrão estabelecido por Deus está escrito nela mesma: “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra” (2Tm 3.16,17). Devemos buscar conhecimento excelente da Palavra porque ela é inspirada por Deus, ou seja, o Espírito Santo conduziu os homens que a escreveram, de forma que eles registraram fielmente tudo o que Deus lhes havia revelado. Então ela não possui erros. É a fonte segura de conhecimento para aquele que quiser agradar a Deus. Ela também é útil, ou seja, ferramenta proveitosa para o ensino (instrução acerca do conteúdo da verdade); para a repreensão (instrução acerca de como se deve viver pela verdade); para a correção (instrução acerca do que devemos fazer para mudar o que está errado); para a educação na justiça (instrução para amadurecimento , santificação e crescimento espiritual), com o objetivo de prover a igreja de Deus com servos aprovados, que ofereçam bons exemplos de vida cristã, e capacitados e treinados para as demandas do evangelho de Cristo.
                Querido leitor, precisamos recorrer à Palavra de Deus com empenho e dedicação. Ela não pode ser lida apenas nos domingos e, mesmo assim, só na igreja. Ela é tão preciosa e essencial ao nosso relacionamento com Deus, que precisa ser lida e meditada todos os dias. Um homem foi perguntado o que sua esposa faria se ele não dedicasse tempo para ela. Ele respondeu: “Ah, certamente ela ficaria chateada comigo, e com toda a razão”. Então o entrevistador perguntou: “você tem dedicado tempo a Deus?” O homem concluiu que precisava repensar sua vida com Deus. Se não dedicamos um tempo diário com a leitura da Palavra diariamente, precisamos repensar nossa agenda diária. Se tivermos muita facilidade de dedicar tempo a outras coisas que não são importantes em detrimento dos momentos com Deus em meditação na Palavra, então a situação é grave. A indiferença e a frieza espirituais estão às portas, se é que ainda não se instalaram em nosso coração.
                Não seja agnóstico prático, ou seja, aquele que não necessariamente levanta a bandeira do agnosticismo, mas vive numa constante desistência de buscar conhecer mais a Deus. Como sua adoração será recebida por ele se você não o conhecer? Falando sobre o relacionamento superficial de Israel consigo, o Senhor disse por meio de Isaías: “O boi conhece o seu possuidor, e o jumento, o dono da sua manjedoura; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende” (Is 1.3). Conheça a Deus e desfrute das delícias de um relacionamento próximo com o Todo-Poderoso. A Escritura adverte: “Não sejais como o cavalo ou a mula, sem entendimento, os quais com freios e cabrestos são dominados; de outra sorte não te obedecem” (Sl 32.9). Sejamos fiéis e excelentes no conhecimento de Deus pela sua Palavra.

Rev. Charles Melo de Oliveira

Read more...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar este blog

Google Search

  ©Template by Dicas Blogger.